Google+ Followers

Google+ Followers

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Hidropônico não é Orgânico


Muitas pessoas confundem alimento hidropônico com natural ou orgânico, mas, são produtos completamente diferentes.

O produto hidropônico, como por exemplo, a alface, é cultivada em estufa, isolada do meio ambiente natural, em água com soluções químicas para nutrição e combate a doenças.


O produto orgânico é cultivado no solo, junto ao meio ambiente natural, utilizando-se água para irrigação e ingredientes naturais para nutrição e combate a pragas.


Acontece que a julgar pela aparência, as pessoas confundem os dois produtos, imaginando que o hidropônico é tão saudável quanto o natural ou orgânico.

Isso é um perigo!

Como vimos acima, o hidropônico é um produto cultivado de forma antinatural com apoio de ingredientes químicos, principalmente os agrotóxicos. Já os orgânicos são cultivados no meio ambiente natural (solo, sol e água), e, quando necessário, se utilizam insumos totalmente naturais.

O processo de produção hidropônico é convencional e não está obrigado a fiscalização oficial, mas, o orgânico é certificado por entidade oficial. O controle da produção visa dar ao consumidor a garantia de que o produto é de fato orgânico, ou seja, saudável.

Assim, muito cuidado ao escolher entre o hidropônico e o orgânico, produtos completamente diferentes. A sua saúde agradece!

Consumindo Orgânicos

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Produto Orgânico da Agricultura Natural


Já falamos sobre o que é um produto natural. Agora vamos falar sobre o produto natural orgânico, originário da agricultura natural.

A agricultura natural, é um modelo de cultivo e produção de alimentos que tem como base o respeito à vida do solo e sua capacidade de regeneração natural conforme as regras da natureza.

É um modelo que faz parte do sistema orgânico de produção adotado no Brasil.
 

Além de não se utilizar agrotóxicos e organismos geneticamente modificados no cultivo, não se utilizam insumos que não sejam realmente naturais. Nem mesmo o esterco de boi ou de frango comumente utilizado em alguns modelos da agricultura ecológica, nesse sistema não são utilizados.

Para o combate a pragas e doenças, se utilizam técnicas próprias e produtos fitossanitários desenvolvidos de forma natural. Assim, a planta se desenvolve de forma saudável gerando alimentos com  alto poder de energia vital.

Essa energia vital é que faz bem ao nosso organismo.

Produtos dessa origem informam no rótulo que são oficialmente certificados e podem usar o termo "da Agricultura Natural" para que os consumidores fiéis a esse tipo de cultivo possam identificá-los no mercado de consumo.
Consumindo Orgânicos

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Boa Escolha Ambiental


Boas iniciativas a favor do meio ambiente tem sido criadas por todo o mundo.

Um exemplo é o selo "Boa Escolha Ambiental" criado pela Sociedade Sueca para Conservação do Meio Ambiente.

Este selo é conferido a lojas que adotam práticas favoráveis à conservação do meio ambiente, mediante critérios pré-estabelecidos tais com:


- Oferecer grande variedade de produtos orgânicos;
- Oferecer grande variedade de produtos químicos com rótulos ecológicos;
- Optar por não oferecer produtos ofensivos ao meio ambiente;
- A loja desenvolver algum trabalho ambiental, ela própria.

Mesmo produtos químicos são considerados, desde que sejam produtos previamente avaliados, que ofereçam quase nenhum impacto ambiental, como uma espécie de transição para o ecológico enquanto não se tem esses produtos totalmente ecológicos.

Essa e outras iniciativas da Sociedade Sueca, visam promover o desenvolvimento sustentável, resultando inclusive na concessão de prêmios anuais

Esse ano, como parte da Semana da Ação Verde, quatorze membros da sociedade receberam prêmios por desenvolverem práticas voltadas para "alimentos mais seguros e sustentáveis para todos".

Consumindo Orgânicos


quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Produto Natural Legítimo

 
Alimento natural é aquele obtido diretamente da natureza como, por exemplo, as frutas, os legumes e as verduras. São alimentos gerados pela própria natureza sem qualquer interferência do homem em suas qualidades naturais.
 
 

Já, o produto natural, é o alimento natural que foi processado pela indústria (ex.: colhido, lavado, amassado, cozido e embalado). Caso se utilize conservantes ou corantes no preparo e armazenamento desses produtos, eles também devem ser ingredientes naturais para não modificarem as qualidades naturais do produto final.
 
A banana passa (que é apenas cozida no forno durante um determinado tempo) e o doce feito com frutas (que é apenas amassado e embalado), podem ser exemplos de produtos naturais porque não se utilizam ingredientes químicos no preparo e conservação.
 
Acontece que atualmente, encontramos no mercado de produtos naturais, diversos alimentos com apelos promocionais tais como: " produto natural"; "da natureza"; "saudável" e daí por diante.
 
Mas, é preciso observar no rótulo da embalagem se não é utilizado nenhum ingrediente que não seja realmente natural  em sua composição ou método de conservação.
 
Atenção: Fique atento. Se algum ingrediente utilizado no preparo e conservação de alimentos se tratar de produto químico, como se pode dizer que esse  alimento é um produto realmente natural ou saudável?
 
 
Resumindo: alimento natural é somente aquele que vem da natureza e não sofre modificação pelo homem em suas propriedades naturais. Produto natural, é somente aquele que é processado com ingredientes naturais, não sofrendo modificação em suas propriedades naturais no produto final
 
Este é o natural legítimo!
 
Consumindo Orgânicos
 

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Consumo de Orgânicos EUA

O mercado de comida orgânica nos Estados Unidos é de 35 bilhões de dólares ao ano, representando apenas  4% do volume de comida consumido naquele país.
 
 
Recente pesquisa divulgada pelo Instituo Gallup de lá, informa que 45% dos americanos desejam se tornar consumidores de produtos orgânicos, mesmo aqueles que tem renda mais baixa.
 
Pessoas que moram nas cidades, grandes ou pequenas, mais ao oeste do país, demonstraram maior interesse pelos orgânicos. Em sua maioria, tem idade entre 18 e 29, seguindo-se pelas pessoas entre 30 e 49 anos.
 
Alguns analistas chegaram a conclusão que a pesquisa revela dois aspectos importantes:
 
1- As pessoas desejam, mas, ainda não conseguem ter acesso aos orgânicos;
2- As políticas públicas não enxergam os orgânicos como vontade da população.
 
Notamos a essa situação é parecida com a que vivemos no Brasil, ou seja, precisamos ter políticas públicas e privadas que permitam mais acesso ao consumo de orgânicos.
 
 
Vale então a dica: no Rio de Janeiro existe o circuito carioca de feiras orgânicas com mais de 13 feiras livres onde se pode adquirir esses produtos com preços  mais acessíveis.

Consumindo Orgânicos


sábado, 16 de agosto de 2014

Bem Estar Animal


Carne de boi, frango e peixe são alimentos que fazem parte da dieta da maioria das pessoas no seu dia a dia, além de derivados preparados pela indústria como hamburguer, nugget e outros produtos.
 
Acontece que a produção de carne atual (manejo, alimentação, cuidados veterinários e abate), nem sempre adota técnicas que evitam o sofrimento dos animais. Muitos filmes e vídeos correm o mundo, mostrando essa realidade. Mas, nem tudo está perdido!

O selo Certified Humane, criado pela organização não governamental norte-americana Humane Farm Animal Care (HFAC), tem o objetivo de certificar a produção de carne de gado, aves, ovos e peixes, garantindo um tratamento mais condigno aos animais em produção, evitando os maus-tratos.

Nos Estados Unidos, são mais de 87 milhões de animais certificados pelo país nos últimos 10 anos e muitos lojistas só aceitam vender esse tipo de carne certificada.

 
No Brasil, a empresa Korin Agropecuária, conhecida produtora de carne de frango e ovos orgânicos é certificada pela HFAN.

Consumindo Orgânicos

Fonte: Planeta Orgânico

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Sustentabilidade

Ser sustentável significa dizer que algo tem que satisfazer as necessidades do momento, sem comprometer as necessidades do futuro.

Precisamos preservar a vida e o meio ambiente, pois dele vem a água, a energia, os alimentos, o vestuário e muitos outros bens que utilizamos no dia a dia.

Se tudo for utilizado de forma sustentável, não haverá falta para as próximas gerações. Isto se aplica a qualquer coisa.


Sustentabilidade é meio ambiente e nós vivemos no ambiente chamado Planeta Terra. 
 


Tudo que acontece ao seu redor afeta a você de alguma forma, por isso, se torne sustentável você também. Equilibrar as contas do mês, as relações pessoais e a saúde é ter qualidade de vida. Veja essas dicas:
Consumidor consciente
Pesquise preços, compre o necessário e guarde algum dinheiro sempre.
Crescimento Pessoal:
Se relacione com pessoas e coisas que lhe tragam crescimento pessoal;
Trabalhe duro, mas, abuse do lazer e das boas amizades.
Alimentação Saudável:
Alimente-se com produtos saudáveis e cuide do seu corpo. Mexa-se!


Se conseguirmos seguir nessa direção, teremos qualidade de vida e estaremos satisfazendo nossas necessidades nos dias de hoje, sem comprometer a vida no futuro.


Pense nisso!


Consumindo Orgânicos

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Alimentação Saudável


Vivemos uma era mecanizada na produção de alimentos e o homem come cada vez mais carnes, laticínios e produtos industrializados, diminuindo o consumo de produtos naturais como frutas, legumes e verduras.

Com a pressa do dia a dia, é comum o consumo de congelados, embutidos e produtos que se faz no micro-ondas e outros recursos rápidos.

Essa dieta contemporânea aliada ao sedentarismo pode levar a problemas de saúde como o sobrepeso, o diabetes e doenças ligadas ao coração, prejudicando a qualidade de vida.

Prefira um estilo de vida saudável, com mais qualidade de vida, optando por fazer exercícios físicos e consumir produtos naturais e orgânicos.



Produtos naturais e orgânicos são aqueles que são cultivados e processados (frutas, legumes, verduras e carnes) sem a utilização de ingredientes nocivos introduzidos pelo homem, como agrotóxicos, corantes e conservantes químicos.

Hoje, no Rio de Janeiro, existem mais de 13 feiras de produtos orgânicos em vários pontos da cidade, permitindo melhor acesso ao consumo desses alimentos.

O que você está esperando?

Consumindo Orgânicos